TRIBUTAR CAMINHÃO, QUE IRRACIONALIDADE ! Encargos sobre o frete ?!!? Pedágios irracionais para caminhões e ônibus !?

Comentário do Blogger : O país Brasil tem sua estrutura de distribuição fundamentada em mais de 60% em caminhões, ou seja, sem esse meio de transporte operando o país entra em estado de falência progressiva indo para um estado vegetativo e morre !

Os tributos incidentes na cadeia produtiva desse produto, bem como os incidentes do mesmo em operação, tornam o custo do frete estratosféricos, e maiores que em países já desenvolvidos, resultando em impacto inflacionário e no fim onerando o custo de vida no país.

Com tanta gente “lúcida” no governo, não estaria na hora de pegar esse “touro”, digo, problema pelos chifres, depurá-lo, e propor ações que minimizem o impacto nos custos operacionais do transporte, facilite o transitar das cargas entre os estados, simplifique a gestão das empresas de transporte, ataque de frente o custo de segurança para transportar no Brasil, enfim, entenda que caminhão não é vilão, é solução e por muito tempo a única.

Eustaquio Sirolli

​Cliente:     Café com Notícias

​Veículo:​Valor Econômico – SP

​Data​14/08/2013​             Seção: Empresas


Indústria de caminhões cresce e pede manutenção de incentivos

Por Eduardo Laguna | De São Paulo

Após um 2012 marcado por interrupções na produção para se ajustar à demanda fraca, a indústria de caminhões entrou em fase de expansão. Em junho, a Ford começou a produzir extrapesados em São Bernardo do Campo (SP) e a International iniciou a operação de sua nova fábrica em Canoas (RS). A Scania parou a fábrica no ABC recentemente, mas para adequá-la a um mercado maior, no qual os caminhões pesados puxam a demanda. Nos próximos meses, a DAF começa a produzir no Paraná.

Há riscos, porém, de volta da ociosidade em 2014 e o setor já discute com o governo a manutenção dos incentivos que ajudaram na recuperação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s