SCANIA COM SEU “OF” NA TRANSPÚBLICO 2013 ! MAIS CONCORRÊNCIA NO SEGMENTO !!!

Na Transpúblico 2013, Scania expõe sua nova linha de chassis urbanos de motor dianteiro

RENATA NASCIMENTO NOTÍCIAS – Veículos
 
Modelos são referências de robustez e economia e passam a oferecer um preço mais competitivo; marca dispõe aos clientes o portfólio de serviços mais completo do segmento 
 
Com suas soluções para o transporte de passageiros, a Scania participa da Transpúblico 2013, que será realizada de 3 a 5 de julho, no Transamérica Expo Center, em São Paulo (SP). Os destaques do estande da marca são três modelos: um chassi F 250 NZ 4×2, outro F 250 NZ 4×2 encarroçado e um articulado K 310 6×2/2, piso normal, de 18,6 metros, que pode ser utilizado em corredores BRT.
 
O F 250 faz parte da nova linha de motores urbanos dianteiros da Scania e já faz grande sucesso entre os clientes da marca, pois desde que foi apresentado ao mercado em outubro de 2012, é ofertado com preço mais competitivo no segmento urbano. A organizadora da feira é a Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (NTU), que realiza no mesmo período o Seminário Nacional 2013 “Mobilidade Sustentável para um Brasil Competitivo”, com a missão de discutir as soluções sustentáveis ao desenvolvimento do país e antecipar os desafios da mobilidade na Copa do Mundo 2014.
 
“Eventos como o Seminário Nacional da NTU e a Transpúblico são essenciais para debater e planejar o transporte urbano de passageiros e seus crescentes desafios”, afirma Wilson Pereira, gerente executivo de Vendas de Ônibus da Scania do Brasil. ”A linha de chassis com motores dianteiros Scania está preparada para atender as necessidades dos operadores. Ela está sendo cada vez mais celebrada pela eficiência na operação, baixo consumo de combustível e reduzida e simplificada manutenção.”
 
Chassis mais eficientes do segmento
 
A linha de ônibus urbana com motor dianteiro Scania oferece o modelo F 250 na tração 4×2. A versão possui motor de 9 litros, 250cv de potência e desenvolve um torque de 1.150Nm. A gama ainda contempla a versão com 310 cavalos de potência. “Nosso produto é reconhecido pela robustez e força no pesado serviço urbano”, salienta Pereira. “Além disso, ele garante ao operador excelente economia de combustível devido ao alto torque em baixas rotações, uma das maiores vantagens do propulsor Euro 5.”
 
O Scania F 250 4×2 é equipado com sistema elétrico/CAN, que gerencia todas as funções do veículo, permite sempre o melhor desempenho na operação e maior facilidade de manutenção. Esta característica apresentada pela nova arquitetura dos produtos garante um rápido diagnóstico de falhas, o que aumenta ainda mais a disponibilidade do veículo. O chassi sai de fábrica com distância entre eixos de 6.500mm. Essa configuração permite comportar carrocerias de 12,6 até 13,2 metros de comprimento, o que proporciona grande capacidade de passageiros, sem perda de rendimento. As suspensões dos eixos dianteiro e traseiro são a mola. Para garantir maior conforto ao motorista, o modelo possui coluna de direção ajustável. Um dos itens do pacote de opcionais é o freio ABS.
 
A linha de chassis com motor dianteiro Scania apresenta uma evolução em comparação à geração anterior na sua concepção de produto, que resultou na otimização do espaço na entrada ao salão de passageiros. O motor do veículo foi avançado em 160mm para garantir melhor acesso ao corredor do ônibus.
 
“Existe a perspectiva de uma grande demanda por veículos alimentadores e articulados para os corredores exclusivos para ônibus em virtude dos futuros grandes eventos esportivos, Copa do Mundo de 2014 e Olimpíada 2016, no Rio de Janeiro”, opina Pereira.
 
Linha vocacionada aos sistemas BRT
 
A Scania disponibiliza diversos chassis que podem ser utilizados como alimentadores dos sistemas de BRT. A gama perfila os seguintes modelos K 270 6×2*4, motor a etanol, piso baixo, 15 metros de comprimento e capacidade para 130 passageiros e o K 310 6×2*4, em duas opções: piso baixo ou piso normal. O modelo também possui 15 metros e capacidade para 130 passageiros.
 
Esses três chassis possuem um terceiro eixo direcional, característica que os tornam únicos no mercado brasileiro. O eixo direcional possibilita um grau superior de manobrabilidade, especialmente em cidades com ruas estreitas e pouco espaço para realizar curvas normais ou acentuadas. O diferencial desse modelo é que o eixo de apoio gira para o lado oposto do eixo das rodas dianteiras. Dessa forma, o ângulo de esterçamento da roda diminui, permitindo ao veículo manobrar melhor que um veículo Padron com 13,2m. Em comparação a um ônibus sem o eixo direcional, a redução do raio de giro chega a 10%. Tecnicamente, o eixo de apoio direcionado hidraulicamente fica atrás do eixo motriz, evitando arraste em curvas. O terceiro eixo direcional acompanha os movimentos do eixo dianteiro por meio de um sistema hidráulico. Essa tecnologia exclusiva Scania, minimiza consideravelmente o desgaste dos pneus.
 
Para a atuação direta nos corredores BRT, a Scania disponibiliza além do K 310 6×2/2 piso normal, em exposição na Transpúblico, a outra versão deste articulado, a de piso baixo. O veículo mede 18,60 metros, comporta 160 ocupantes, sua tração é 6×2 e a potência do motor de 310 cavalos.
  
Outra opção ao operador pode ser o articulado K 310 8×2/2, piso normal, de 20 metros e capacidade para 186 passageiros. Todos os chassis articulados Scania possuem a suspensão mais reforçada por causa do maior comprimento e da maior quantidade de passageiros que podem comportar, ainda que trafeguem preferencialmente em corredores e vias arteriais. Além de caixa de câmbio automática, uma vantagem para sua longevidade uma vez que este tipo de transmissão evita esforços desnecessários à sua estrutura e componentes mecânicos. Este equipamento garante maior conforto ao usuário.
 
A Scania é um dos principais fabricantes mundiais de caminhões e ônibus para transporte pesado e de motores industriais e marítimos. Os produtos de serviços têm participação crescente nos negócios da empresa, assegurando aos clientes soluções de transporte econômicas e com alta disponibilidade operacional. Com 38.600 colaboradores, a Scania está presente em mais de 100 países, com linhas de produção na Europa e América do Sul com possibilidade de intercâmbio global de componentes e veículos completos. Em 2012, as receitas totais da Scania alcançaram 79,6 bilhões de coroas suecas e o resultado financeiro após a dedução de impostos foi de 6,6 bilhões de coroas suecas.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s